(21) 3617-0129 | Whatsapp: (21) 9 9186-5992

Pensando em contratar um seguro residencial, mas na dúvida sobre o que ele cobre? Pois saiba que  o seguro residencial cobre, por exemplo, infiltração e roubo. Acompanhe o texto e aproveite para conferir outras coberturas que podem ser contratadas, sejam elas básicas ou adicionais.

Segundo um levantamento da Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), menos de 15% dos lares brasileiros possuem a proteção de um seguro.

A opção é bem menos popular do que um seguro de carro, especialmente porque, muitas vezes, as pessoas não sabem o que o seguro residencial cobre.

Um seguro residencial nada mais é do que a proteção para a sua casa ou empresa. O objetivo do serviço é ressarcir o consumidor após prejuízos no imóvel.

Prejuízos esses que podem ocorrer por diversos motivos, como explicaremos logo mais.

Quem contrata este tipo de serviço pode personalizá-lo conforme as suas necessidades. Afinal, as coberturas disponíveis são as mais variadas.

Algumas dessas coberturas são consideradas básicas, e estão presente em praticamente todas as apólices.  Outras, são opcionais, e só serão inclusas se houver interesse do consumidor.

Também é importante que todas as coberturas contratadas façam sentido ao seu imóvel.

Por exemplo: o Brasil raramente registra abalos por terremoto. Será que vale mesmo a pena incluir essa proteção no seu seguro?

Lembre-se de que os custos do serviço variam de acordo com vários fatores, inclusive o número de coberturas. Contratar apenas as realmente necessárias pode te ajudar a economizar.

Mas cuidado: só elimine do seguro as coberturas completamente desnecessárias. Se a sua casa tiver chance de determinado sinistro, é melhor obter cobertura contra ele.

Do contrário, após o problema, o usuário precisará pagar sozinho pelo prejuízo.

A seguir, veja algumas das coberturas oferecidas pelo seguro residencial e escolhas as que farão parte da sua proteção.

Seguro residencial cobre TV queimada?

Não apenas a TV, como outros equipamentos eletrônicos, podem ser protegidos pelo seguro residencial.

Os problemas cobertos podem ocorrer por diversos motivos, como um curto circuito ou defeitos na rede elétrica.

Se algum dos produtos for danificado, o consumidor será ressarcido do prejuízo. O valor pago será correspondente ao custo do equipamento no mercado.

Também há casos em que a seguradora paga pelo conserto do aparelho.

Seguro residencial cobre enchente?

Uma enchente ocorre quando, pelo excesso de água, canais ou rios acabam transbordando. Se essa água invadir a residência e causar danos, o usuário poderá contar com o seguro residencial.

Nesse caso, a seguradora quita valores para os consertos e reformas necessárias no imóvel.

Seguro residencial cobre alagamento?

O alagamento é provocado pela falta de vazão das águas da chuva. Esse problema tem se tornando cada vez mais comum nas grandes cidades, que recebem chuvas torrenciais e não tem vazão suficiente para elas.

O resultado são ruas alagadas, que acabam arrastando carros e invadindo as casas.

Alagamentos também podem ocorrer após a ruptura de encanamentos, canalização, adutoras ou reservatórios. Se algum dos problemas acontecer na sua residência, você será amparado pela seguradora.

Novamente, serão cobertos os custos com reformas e consertos, e também com móveis danificados.

Seguro residencial cobre terremoto?

No Brasil, não há registro de grandes terremotos. Nos últimos tempos, porém, tremores de terra estão sendo sentidos por aqui, mesmo que o epicentro esteja bastante longe.

Esses tremores podem provocar danos estruturais ao imóvel.

Se a sua localidade já passou por tremores assim, pode ser interessante que você contrate essa proteção.

Por meio dela, o seguro residencial vai ressarcir os prejuízos pós-terremoto. Assim como garantir a reforma e reparos necessários na estrutura do imóvel.

Seguro residencial cobre desmoronamento?

O desmoronamento ocorre quando alguma parte do imóvel rui sem que haja nenhuma intervenção.

Isso pode acontecer com as paredes, muros ou outras estruturas. Um seguro residencial cobre essas situações, pagando pela reforma necessária.

É importante dizer, porém, que as seguradoras não cobrem desmoronamentos durante obras.

Se os danos a estrutura forem fruto da intervenção humana, mesmo que pequena, o usuário não terá seu prejuízo ressarcido.

Seguro residencial cobre roubo?

Se a preocupação é com os bens que estão dentro do imóvel, eles também podem ser segurados.

A cobertura sempre é obtida de acordo com o valor dos bens que você possui e, em caso de roubo, você será indenizado até o limite contratado. Esse limite fica definido em contrato.

De qualquer forma, não são todos os bens cobertos por um seguro residencial. Aqueles de grande valor, como joias e raridades não possuem cobertura da empresa.

O mesmo acontece para plantas, pedras e metais preciosos, papel-moeda, cheques e outros semelhantes. Esses bens são chamados de riscos excluídos, e também aparecem listados na apólice.

Seguro residencial cobre infiltração?

Se houver algum problema na laje ou no telhado, pode ser que comece a infiltrar água o imóvel.

Isso traz uma série de problemas: além de poder prejudicar a estrutura da casa, tornando-a instável, a infiltração vai deixar a sua parede toda mofada.

A boa notícia é que, se algum destes problemas acontecer, você estará protegido pelo seguro. A  indenização paga será suficiente para que você providencie o reparo.

Seguro residencial cobre incêndio criminoso?

O incêndio é considerado uma cobertura básica e está presente em praticamente todas as apólices de seguro residencial.

A causa do incêndio deverá ser constatada pelas autoridades competentes, e o segurado receberá o valor que consta na apólice.

Porém, se houver fraude, como por um incêndio proposital causado pelo próprio segurado, a apólice será anulada.

Seguro residencial cobre vazamento?

Se o encanamento do imóvel não foi instalado corretamente, ou se, com o passar dos anos, não recebeu a manutenção adequada, é possível que, em algum momento, ele comece a vazar.

Quebrar as paredes e piso para reparar o problema pode ser bastante caro e trabalhoso. Porém, o seguro residencial cobre vazamentos, facilitando todo o processo de conserto.

Seguro residencial cobre queda de árvore?

Árvores antigas e mal cuidadas, e até mesmo as árvores saudáveis podem cair. Especialmente após chuvas intensas, em que esse tipo de problema é comum.

Se uma árvore atingir a sua casa, o estrago pode ser grande. Já imaginou ter toda a parede demolida por um único tronco?

Se o seu imóvel fica localizado próximo a granes árvores, contrate esse tipo de cobertura. Assim, após qualquer problema, a seguradora irá quitar os prejuízos.

Seguro residencial cobre roubo de bicicleta?

A bicicleta pode servir para diversão ou como um meio de transporte.

Quando não está em uso, o equipamento costuma ficar guardado em casa e, por isso, fica sujeito aos mesmos sinistros do imóvel.

Se a bicicleta for roubada e você tiver o seguro para esse bem, fique despreocupado! Com a cobertura contratada, os seus prejuízos serão ressarcidos pela seguradora.

Quais as outras coberturas do seguro residencial?

Existem diversas outras situações que o seguro residencial cobre. Por isso, na hora de contratar a proteção, vale a pena avaliar, com cuidado, todos os serviços oferecidos pela seguradora.

Assim, você poderá contratar proteção contra:

  • Danos elétricos;
  • Vendaval, com ou sem granizo, furacão e tornado;
  • Quebra de vidros, como janelas, espelhos e tampos de mesa;
  • Impacto de veículos;
  • Incêndio provocado por explosão de aparelhos ou substâncias de qualquer natureza;
  • Queimadas em zona rural;
  • Queda de aeronave.

Além disso, é possível contratar a cobertura de Responsabilidade Civil Familiar.

Com ela, qualquer convidado que sofrer sinistro no seu imóvel, como uma queda, pode ser indenizado pela seguradora.

Algumas empresas ainda oferecem coberturas como o pagamento do aluguel de um imóvel para o segurado.

Esse pagamento é realizado enquanto a casa segurada passa por reformas. A assistência 24 horas, com serviços como chaveiros e reparos elétricos, também é comum.

Viu só como são muitas as coberturas oferecidas por um seguro residencial? Para garantir que o seu imóvel, móveis e equipamentos estejam protegidos, contrate todas as coberturas necessárias.

Também é importante ler o contrato do seguro com atenção. Nele, aparecerão todos os objetos, situações e regras para o pagamento dos prejuízos.

Tenha a certeza de que todo o pretendido aparece no acordo. Dessa forma, você receberá os valores que espera após um sinistro. Quanto mais completas puderem ser as coberturas, melhor.

Agora você já sabe o que o seguro residencial cobre. Caso deseje descobrir outras coberturas, solicite uma cotação e receba essas informações no seu e-mail!

× Converse no Whatsapp